Hospital Especializado
Entre em contato (16) 3913-0004

O Hospital Especializado cuida da maneira mais apropriada e com equipes multidisciplinares das feridas, principalmente daquelas consideradas complexas, isto é, difíceis de serem resolvidas usando tratamentos convencionais e simples curativos. Necessitam, muitas vezes, de tratamento cirúrgico em razão da perda representativa de pele e tecido subcutâneo.

As feridas complexas se transformaram num problema de saúde pública com importantes impactos socioeconômicos. A falta de conhecimento e a ausência de procedimentos mais modernos no tratamento deste mal geram internações mais longas, levando até mesmo a amputações ou ao óbito, elevam os custos e causam perda na qualidade de vida do paciente.

O tratamento das feridas inclui métodos clínicos e cirúrgicos. Um vasto arsenal terapêutico, composto por curativos passivos, os com princípios ativos, inteligentes, biológicos e terapia por pressão negativa é capaz de auxiliar no reparo do tegumento em várias situações.

O Hospital Especializado também reforça a importância do tratamento adequado das fraturas expostas e das lesões de alta energia, onde é fundamental a atuação de uma equipe multidisciplinar, composta por cirurgiões plásticos, ortopedistas, cirurgiões do trauma, cirurgiões da mão, microcirurgiões e médicos intensivistas.

  • Vale lembrar que a pele é um órgão que reveste e delimita o corpo, representando 15% do peso corporal e composta por três camadas: epiderme, derme e hipoderme ou tecido subcutâneo. Tem como principais funções a termorregulação, proteção, defesa biológica, percepção, secreção, síntese, identificação e comunicação;

  • Já a ferida é simplesmente a ruptura de integridade da pele e pode se tornar preocupante em razão da dificuldade de cicatrização, processo dinâmico, contínuo, complexo e interdependente, composto por uma série de fases sobrepostas.

  • O envelhecimento da população nas últimas décadas também trouxe uma questão importante a enfrentar: oferecer aos idosos, grupo etário mais suscetível a uma série de doenças, uma longevidade com qualidade de vida. Entre estas doenças estão o diabetes mellitus (pé diabético), a mediastinite (infecções pós-cirurgia cardíaca), úlceras por pressão, úlceras venosas e as vasculites, todas elas potenciais geradoras de feridas complexas no paciente;

  • Existe um movimento atual na área de saúde para mudar os paradigmas no tratamento das feridas complexas na busca de uma melhor resolubilidade, como cirurgias para reconstrução com enxertos e retalhos, e o uso de novas tecnologias, como a terapia por pressão negativa - o Hospital Especializado vem obtendo excelentes resultados na cura de pacientes com este problema.